Você está em:

  1. Qual a diferença entre medicamentos manipulados, genéricos e industrializados?
    O medicamento manipulado atende a uma prescrição específica de cada cliente, ou seja, o médico personaliza o medicamento informando a dosagem e quantidade exatas necessárias para o sucesso do tratamento de seu paciente. Já os medicamentos industrializados e genéricos possuem quantidade e dosagem pré estabelecidas para a produção industrial em larga escala.
     
  2. Os medicamentos manipulados são mais baratos que os industrializados?

    Os preços dos medicamentos manipulados podem ser até 85% mais baratos que os industrializados. Na manipulação não há sobras. O medicamento é prescrito na quantidade e na dosagem exatas. Por isso, paga-se somente pelo que vai utilizar.

    Segundo uma pesquisa do Mercado Mineiro, os preços dos remédios industrializados podem chegar a ser até 550% maiores do que os mesmos medicamentos manipulados. Desta forma,vale a pena perguntar ao seu médico se o medicamento pode ser manipulado.

  3. Quais são as vantagens dos medicamentos manipulados?

    Diversas são as vantagens dos medicamentos manipulados. Dentre elas:

    :: Economia: O medicamento manipulado é prescrito pelo médico na quantidade e dosagem exatas para o sucesso de seu tratamento. Não há sobras, por isso, você paga somente pelo que vai utilizar.;

    :: Personalização: Somente na farmácia de manipulação é possível que o médico prescreva o medicamento com doses diferenciadas que atendam às necessidades específicas de cada paciente.;

    :: Qualidade Garantida: As farmácia de manipulação seguem todas as normas determinadas pelo Ministério da Saúde. A qualidade das matérias-primas e o processo de manipulação são rigorosamente e periodicamente fiscalizados pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).;

    :: Facilidade no tratamento: Existem doenças que precisam ser tratadas com vários medicamentos ao mesmo tempo. Assim, para facilitar o tratamento, o médico pode prescrever apenas um único medicamento para ser manipulado que possua associação de todas as matérias primas necessárias para o tratamento.;

    :: Relacionamento Médico-Farmacêuticoo: Sempre que necessário, seu médico mantém contato com o farmacêutico que manipulou seu medicamento garantindo o sucesso de seutratamento.;

    Medicamentos não-disponíveis: Alguns tratamentos requerem medicamentos que não existem no mercado de remédios industrializados. Caso a farmácia de manipulação possua a matéria-prima, poderá atender à prescrição, manipulando o produto.
  4. Que tipo de matéria-prima é utilizada pelas farmácias de manipulação?
    As matérias-primas utilizadas nas farmácias de manipulação são exatamente as mesmas matérias-primas utilizadas na produção dos remédios industrializados. A diferença está no fato de que o medicamento manipulado contém a dosagem e a quantidade especificadas pelo médico na receita. Já o remédio industrializado possui quantidade e dosagem pré-estabelecidas para a produção industrial em larga escala.

  5. Como escolher sua farmácia de Manipulação?

    Dentre outras qualidades, sua farmácia de manipulação deve possuir:

    :: Tradição no mercado de manipulação de medicamentos;

    :: Laborátorio de Controle de Qualidade Próprio;

    :: Atenção Farmacêutica em Tempo Integral;

    :: Ser filiada a Anfarmag (Associação Nacional de Farmacêuticos Magistrais) e ao SINAMM (Sistema Nacional de Aperfeiçoamento e Monitoramento Magistral).
  6. Farmácias de manipulação só fazem medicamentos para tratamentos dermatológicos e fórmulas de emagrecimento?
    De forma alguma. As farmácias de manipulação estão preparadas para atender prescrições de todas as especialidades médicas tais como: cardiologia, ginecologia, geriatria, endocrinologia, pneumologia, ortopedia, neurologia, psiquiatria, oftomologia, gastroenterologia, etc.

  7. As farmácias de manipulação podem produzir medicamentos homeopáticos, alopáticos e fitoterápicos?
    Sim, desde que possuam os equipamentos adequados e a autorização da ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para a manipulação destes medicamentos.

  8. Quais são as recomendações que devo me lembrar ao fazer uso de algum medicamento?

    Nunca utilize um medicamento com data de validade vencida;

    :: Observe atentamente a prescrição médica em relação a quantidade, aos horários, a duração do tratamento, etc;

    :: Não use medicamentos sem orientação médica;

    :: Consulte seu médico antes de repetir um tratamento;

    :: Mantenha os medicamentos fora do alcance de crianças e animais domésticos;

    :: Tome seu medicamento de preferência com água. O consumo de leite concomitantemente com alguns medicamentos pode reduzir os seus efeitos como, por exemplo, a ingestão de leite juntamente com tetraciclina;

    :: Durante o tratamento evite o uso de bebidas alcoólicas, pois estas podem interagir com alguns fármacos e reduzir a eficácia do medicamento ou provocar algum efeito indesejado;

    :: Se reações adversas, sintomas inesperados ou gravidez ocorrerem, entre em contato imediatamente com seu médico;

    :: Não dê o seu medicamento para outras pessoas. Lembre-se de que a receita foi feita exclusivamente para você, podendo ser maléfico para outras pessoas (mesmo apresentado sintomas semelhantes aos seus).