Orégano: os benefícios para a saúde

Depois de ler, avalie o artigo aqui:
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Nenhum voto até o momento)
Loading...

Tempo de leitura: 11 minutos

O orégano, orégão ou ourego (Origanum vulgar) é uma planta longeva, resistente, aromática, com um toque amargo às vezes chamado de manjerona selvagem; de sabor parecido com o da manjerona doce, porém mais forte. Hoje é muito utilizada na cozinha do Mediterrâneo e desde a antiguidade era usada para fins medicinais.

Suas folhas (secas ou frescas) são utilizadas devido o sabor e aroma que dão aos pratos, sendo que as folhas secas são as mais usadas por terem melhor sabor.

Como folha repartida ou triturada, o orégano é um condimento mais conhecido quando se trata de dar aroma e sabor aos pratos. Existem muitos tipos de orégano. Os bons são bastante fortes e chegam a anestesiar a língua.

Conheça o orégano

O orégano tem sua origem na Grécia Antiga, quando Hipócrates, o pai da Medicina, o chamou de Origanun (erva amarga, alegria da montanha). Ele era muito apreciado pelos gregos na forma de óleo para banho, antes de ser utilizado como especiaria. Acreditava-se que o orégano poderia trazer felicidade plena.

Várias espécies do gênero Origanun são nativas do Mediterrâneo e são usadas como tempero.

Na culinária italiana, o orégano é um ingrediente insubstituível. Ele é utilizado em molhos de tomate, na pizza, vegetais, refogados e carne. O caráter da culinária italiana está na junção do orégano com o manjericão.

Na culinária portuguesa, os oréganos são indispensáveis na confecção de caracóis, em saladas de tomate e queijo fresco ou requeijão, e também em um cozido (caldeirada) cujos componentes básicos são diversas variedades de peixe, batata, cebola, tomate e pimentão.

Em menor medida, o orégano aparece também nas cozinhas espanhola, francesa, mexicana e grega.

O orégano também é uma planta medicinal. O chá de orégano é indicado no tratamento de tosse, dor de cabeça de origem nervosa e irritação e também pode ser usado para aliviar enjoo do mar. No alívio das cólicas, a indicação é mastigar algumas folhas frescas de orégano ao longo do dia ou então fazer um chá. Caso não tenha orégano fresco, misture uma colher pequena de orégano a uma xícara de água e leve ao fogo, desligando assim que levantar fervura, abafe por três minutos e tome antes de esfriar.

O orégano é composto quimicamente por taninos, timol, fenóis, origaneno e caneacol. O óleo essencial desta planta possui cervacol, cimeno, linanol e tonino que são substâncias que garantem as propriedades digestivas.

Os benefícios do orégano para a saúde

O orégano é rico em zinco, ferro, magnésio, cálcio e potássio, minerais responsáveis pela saúde dos dentes e do coração. Ele ainda é fonte de ômega 3, essencial para o bom funcionamento do corpo. Essa planta tem propriedades antioxidantes que ajudam a combater doenças degenerativas como Alzheimer. Contém vitaminas A, C, K e complexo B.

Veja alguns dos benefícios do orégano para a saúde e boa forma:

  • Ajuda a perder peso 

As folhas frescas de orégano são ricas em fibras, que melhoram o funcionamento intestinal e também prolongam a sensação de saciedade.

O óleo de orégano auxilia na perda de peso devido à presença do carvacrol, o composto ativo do orégano que pode prevenir ganho de peso da modulação de alguns genes e da redução da inflamação no tecido adiposo branco. Também pode ajudar a emagrecer de maneira indireta, pois o óleo de orégano possui digestão mais lenta que os carboidratos e proteínas, retardando a absorção dos alimentos e prolongando a sensação de saciedade. 

  • Auxilia a digestão

Especialmente na forma de óleo, um dos benefícios do orégano é estimular a secreção de bile pelo fígado. A bile facilita a digestão de gorduras, atuando como um purificador e permitindo a absorção de nutrientes.

O orégano também melhora a indigestão, a flatulência e a sensação de distensão abdominal (estufamento) que pode ocorrer após as refeições.

  • Excelente Bactericida e Fungicida

Pesquisas confirmam benefícios do orégano no combate a organismos nocivos que causam infecções, como vírus e bactérias. Um estudo recente desenvolvido pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos afirma que o óleo de orégano é capaz de eliminar a Salmonela e a E.coli, duas bactérias associadas a infecções causadas por intoxicação alimentar.

Outra pesquisa analisou a relação entre as propriedades do orégano e organismos potencialmente nocivos à saúde e constatou que tomar 600 mg de óleo de orégano todos os dias pode levar a uma completa eliminação desses agentes. 

  • É fonte de Antioxidantes

Os principais compostos ativos do orégano atuam como poderosos antioxidantes – ou seja, combatem os radicais livres que podem se formar no corpo a partir de processos metabólicos normais ou por fontes externas, como raios x, ozônio, fumo, poluição do ar e substâncias químicas. Algumas fontes internas e externas de radicais livres são mitocôndria, xantina oxidase, peroxissomos, inflamação, fagocitose, exercício, isquemia, fumaça de cigarro, poluentes do meio ambiente, radiação, várias drogas e pesticidas, solventes industriais e ozônio e contribuem para a prevenção de diversas doenças e também atuam contra o envelhecimento precoce.

O ácido rosmarínico e o timol são dois desses potentes antioxidantes que tornam o orégano um agente com capacidade antioxidante 30 vezes maior que a maçã, 12 vezes maior que a laranja e 4 vezes maior que o mirtilo, esse último uma das frutas mais ricas em antioxidantes que temos à nossa disposição.

  • Previne a gripe

Um dos maiores benefícios do orégano é a sua capacidade de fortalecer o sistema imunológico, auxiliando no combate a infecções virais como a gripe. Assim que começar a notar os sinais da infecção misture de 3 a 6 gotas de óleo de orégano com um pouco de água e tome antes das refeições. Repita o tratamento por pelo menos cinco dias.

  • Melhora na saúde do coração

Os antioxidantes e o ômega 3 presentes no orégano ajudam a diminuir inflamações e colaboram para a prevenção de doenças do coração.


Outros benefícios do orégano é que ele possui boas quantidades de potássio, um importante nutriente para as células e líquidos corporais. O potássio ajuda a controlar a pressão arterial elevada e batimentos cardíacos acelerados causados pelo consumo excessivo de sódio.

  • Regula a menstruação

Além de diminuir as dores causadas pelas cólicas, o consumo regular de orégano também contribui para regular o ciclo menstrual e até mesmo prevenir a menopausa precoce.

  • Controla os ataques de asma

As vantagens do orégano para saúde não param por aí. O carvacrol, os terpenos e flavonóides do orégano podem atuar como agentes de purificação do pulmão, limpando o trato respiratório e os tubos branquiais. Durante um ataque de asma, que se caracteriza por dificultar a respiração, tome chá de orégano com mel.

Como tomar orégano para melhorar a asma:

Faça um suco com folhas frescas de orégano e tome uma colher por hora até aliviar a falta de ar ou a tosse crônica.

  • Atua na prevenção do câncer

As propriedades do orégano anti-inflamatórias e antibacterianas permitem uma progressão mais lenta de certos tipos de câncer, como o  de próstata e o de mama. 

Folhas frescas de orégano são ricas em fibras que auxiliam a bile a se ligar a toxinas e facilitar sua eliminação pelo intestino. Isso obriga o organismo a utilizar colesterol para produzir mais sais biliares, o que leva a uma redução dos níveis de colesterol e diminui o risco de câncer de cólon.

Óleo de orégano: porque você deve ter em casa

Você não precisa de muito óleo de orégano para se tratar com ele. Basta uma diluição mínima deste óleo. Pessoas que o usam para este fim aconselham só 1 ou 2 gotas em um copo de água. Outros usam este óleo, na escova de dentes, para limpar os dentes e gengivas. Você pode engolir, sem problemas, o óleo de orégano, a não ser que sofra de alguma alergia específica (teste antes a sua sensibilidade, claro).

Para tratar resfriados, sinusite, alergias diversas, gengivite, cáries, amigdalite, faringite e outros itens corpo adentro e corpo afora. Parasitas, verminoses e candidíase também respondem bem ao tratamento com óleo de orégano.

Pesquisas sobre o uso do óleo essencial dos oréganos já vieram a comprovar que suas propriedades vão ainda mais longe: Em 14 pacientes que receberam administração oral de 600mg de óleo de orégano por dia após 6 semanas tiveram um completo desaparecimento de parasitas intestinais como Entamoeba hartmanni, Endolimax nana e Blastocystis hominis.

Também se constatou, a uma diluição de 2%, completa eliminação em culturas de Candida albicans (Cândida), Enterococcus fecalis, Pseudomonas aeruginosa, Staphylococcus aureus, entre muitos outros. Outro importante fator a ser falado aqui é sobre a importância em saber-se se o óleo de orégano que você tem em mãos possui princípio ativo para aquilo que é indicado.

Existem drásticas diferenças entre os tipos de óleo de oréganos e a mesma planta poderá produzir óleos essenciais com teores bem diferenciados de compostos como o Origanum vulgare ssp. vulgare que possui óleo essencial com 0.7% até 80% de carvacrol. Em substituição ao carvacrol poderão surgir outros compostos como timol, linalol, etc.

Orégano comum (Origanum vulgare ssp. vulgare) , também conhecido como orégano selvagem é o mais comum de todos comumente empregado em pizzas. Para aquilo que o orégano é normalmente indicado, este deve possuir uma porcentagem de no mínimo 65% de carvacrol, para que sua ação antimicrobial, anti-inflamatória e anticarcinogência esteja presente.

Alguns óleos desta espécie, como o proveniente da Espanha e com baixo teor de carvacrol (0.5-0.7%), possuem timol substituindo este componente, fazendo com que o óleo de orégano se assemelhe em muito, não só em cheiro mas também em indicações, ao óleo de tomilho. A planta seca possui em torno de 5% de óleo essencial.

Após conhecermos todos os benefícios do orégano para a saúde como parte dos remédios tradicionais à base de plantas, seria interessante complementar as informações dizendo que durante milhares de anos, o orégano tem sido usado como medicina herbal devido aos seus valores nutricionais que são benéficos para a saúde humana, desde o tratamento de doenças crônicas até a manutenção de uma pele saudável.

No mundo moderno, há muitas pesquisas e estudos realizados para encontrar a garantia exata sobre os benefícios para a saúde das folhas de orégano para a saúde humana. Felizmente, como parte dos ingredientes alimentares, você pode desfrutar todos os valores nutricionais de orégano em base diária.

Tamanho da dose: 100 gramas

  • Gorduras 4,3 gramas
  • Carboidratos 69 gramas
  • Proteína 9 gramas
  • Sódio 25 mg
  • Potássio 1,260 mg
  • Fibra 150%
  • Cálcio 159%
  • Ferro 204%
  • Magnésio 67%
  • Vitamina A 34%
  • Vitamina C 3%
  • Vitamina B6 50%
  • Vitamina K 14%

É fundamental lembrar que o uso da medicina herbal deve ser feita com acompanhamento de um profissional adequado para evitar qualquer efeito colateral indesejável. 

Veja mais detalhes sobre Temperos naturais, clicando na imagem abaixo.

oregano - temperos naturaisConheça os produtos
Conheça os temperos naturais da Farmácia Eficácia. Ao cozinhar, utilizar os temperos certos e saudáveis.

comprar

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Nenhum voto até o momento)
Loading...

Sobre Ellen Frazão

Meu nome é Ellen Frazão e promovo a boa nutrição. Trabalho com dietas, tratamentos para emagrecimento, reeducação alimentar, atividades físicas voltadas para melhoria do metabolismo, alimentação infantil e grupos especiais. Fique à vontade para fazer perguntas e postar seus comentários! Acesse meu Perfil no Google+. Sou uma personagem criada para representar a equipe farmacêutica e nutricionista da Farmácia Eficácia que criam, revisam e respondem por todos os artigos publicados no blog.