Entenda os riscos dos alimentos embutidos

Depois de ler, avalie o artigo aqui:
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 3,50 de 5)
Loading...

Tempo de leitura: 4 minutos

Os alimentos embutidos são produzidos a partir da carne de bovinos, suínos, caprinos, ovinos, equinos, de aves, peixes e frutos do mar, além das vísceras e até sangue dos animais. 

Esses elementos são triturados, homogeneizados e embutidos sob pressão ou acondicionados em tripas naturais ou artificiais, utilizadas para protegê-los das influências externas, ao mesmo tempo que lhes dá forma e estabilidade.

Quando surgiu esse tipo de alimento?

Surgiu em um período em que havia necessidade de conservação de carnes, porque não existia a refrigeração e eles eram conservados com a adição de sal. Hoje, os embutidos recebem adição de corantes, aditivos químicos (como nitratos e nitritos, para manter a cor vibrante), sal, açúcar e temperos artificiais, além de muitas vezes serem compostos por partes do animal pouco nutritivas e que seriam descartadas.

Muitas vezes, a dieta pode pregar uma peça ao apresentar alimentos que pensamos não ser prejudiciais a nossa saúde. Esse é o caso de alguns produtos que são classificados como embutidos e que a gente nem sabe.

Quais alimentos são embutidos?

A lista é um pouquinho grande e pode até surpreender:

  • Linguiça;
  • Presunto (cozido, di parma, cru);
  • Salame;
  • Salsicha;
  • Apresuntado;
  • Peito de peru;
  • Blanquet de peru;
  • Mortadela;
  • Copa;
  • Pastrami;
  • Tender;
  • Lombo;
  • Salsichão;
  • Lombo defumado;
  • Morcela;
  • Paio;
  • Alguns rosbifes industrializados;
  • Carne enlatada;
  • Nuggets;
  • Steaks;
  • Hambúrguer;
  • Iscas ou tiras de frango empanados.

Certamente, alguns desses alimentos causam espanto, como o tender, o peito de peru, o nuggets, steaks e tiras de frango empanadas. Eles são alimentos ultraprocessados, que perdem sua característica original, para chegar à forma e consistência diferentes. No entanto, é importante ressaltar que eles são considerados embutidos apenas quando são industrializados. Um nuggets caseiro, por exemplo, não pode entrar nessa classificação.

Por ser culturalmente associado às dietas, o peito de peru é visto por muitos como um alimento saudável e natural, e não é bem assim. Afinal de contas, o produto também é processado e possui muitos aditivos químicos. Portanto, é indicada a orientação de um nutricionista para que ele avalie de que forma alguns alimentos, como o peito de peru, possa fazer parte do consumo habitual.

Riscos dos alimentos embutidos

A Agência Internacional para a Pesquisa sobre Câncer (IARC), principal escritório de pesquisa sobre o câncer da OMS, emitiu um relatório em 2015, no qual relacionava o consumo de carnes processadas com o surgimento de câncer de colorretal.

As informações divulgadas asseguram que cada porção de 50 gramas de carne processada ingerida por dia, aumenta em 18% o risco de câncer colorretal. Exemplos que representam 50g são: uma salsicha ou duas fatias de bacon.

Isso nos mostra que é fácil atingir essa quantidade na nossa alimentação diária, não é mesmo?

Desta forma, elas foram incluídas no grupo 1 de carcinogênicos, junto com o tabaco, amianto e bebidas alcoólicas, demonstrando que já possuem evidência, o suficiente, de relação com o câncer.

Além disso, um estudo feito em Bauru – SP, pelo Departamento de Nutrição, Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo (USP) com 443 mulheres e 329 homens, demonstrou que, o consumo excessivo de alimentos embutidos está associado ao aumento de gordura corporal e a obesidade generalizada.

Por que estes alimentos têm relação com o surgimento do câncer?

No processamento da carne, utiliza-se conservantes como o nitrato e o nitrito, excesso de sal e as substâncias presentes na fumaça (no caso do processo de defumação), colaboram para o surgimento de câncer de estômago e intestino (cólon e reto).

Como posso substituir estes alimentos?

  • Troque o hambúrguer industrializado pela versão caseira.
  • Utilize pastas preparadas com grãos ou vegetais, pastas de frango ou de atum (caseiras).
  • Utilize vegetais grelhados (berinjela, abobrinha e cenoura) nos sanduíches.
  • Substitua o consumo de salsicha e linguiça por peixes, ovos, carnes magras, sempre que possível.
  • Troque os steaks por filé de frango, peixe ou bife grelhado.
  • Prepare o seu próprio embutido em casa.

Abuse das saladas, molhos e temperos naturais para incrementar os seus lanches, acrescentando mais sabor e nutrientes!

Veja mais detalhes sobre Mix de probióticos, clicando na imagem abaixo.

cachorro quente - alimentos embutidos30 cápsulas
Mix de probióticos é uma excelente suplementação, que promove maior bem estar e uma vida mais saudável. Reduz desconfortos abdominais, melhora a digestão e a absorção dos nutrientes.

comprar

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 3,50 de 5)
Loading...

Sobre Ellen Frazão

Meu nome é Ellen Frazão e promovo a boa nutrição. Trabalho com dietas, tratamentos para emagrecimento, reeducação alimentar, atividades físicas voltadas para melhoria do metabolismo, alimentação infantil e grupos especiais. Fique à vontade para fazer perguntas e postar seus comentários! Acesse meu Perfil no Google+. Sou uma personagem criada para representar a equipe farmacêutica e nutricionista da Farmácia Eficácia que criam, revisam e respondem por todos os artigos publicados no blog.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments