Cápsulas para prevenção da infecção urinária

Depois de ler, avalie o artigo aqui:
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 4,00 de 5)
Loading...

Tempo de leitura: 8 minutos

Infecção urinária é a presença anormal de patogênicos, em alguma região do trato urinário, que causam doença. É um quadro infeccioso que pode ocorre em qualquer parte do sistema urinário, como rins, ureteres, bexiga e uretra, sendo mais comuns nos dois últimos. Seus sintomas incluem, especificamente, dor ou ardência ao urinar, mas podem variar de acordo com a região afetada.

Algumas pessoas, especialmente as mulheres, podem apresentar bactérias no trato urinário e não desenvolverem infecção urinária, chamadas de bacteriúria assintomática. Em algum momento da vida, as mulheres vão apresentar infecção urinária leve ou grave. A mulher está mais propensa a ter o problema do que o homem. Os principais sintomas são: ardência ao urinar, urgência miccional, ou seja, a mulher vai várias vezes ao banheiro fazer xixi, urina avermelhada (com sangue) e dores no “pé da barriga”. 

Gravidez X infecção urinária

A manifestação regular em mulheres grávidas é quase que a mesma que em mulheres não grávidas, no entanto, infecções frequentes são mais comuns durante a gravidez. Adicionalmente, a ocorrência da infecção renal é mais elevada durante a gestação do que na população em geral, provavelmente como um resultado de alterações fisiológicas das vias urinárias no período.

A bacteriúria assintomática ocorre em um número muito pequeno das mulheres grávidas, ou seja, são detectadas bactérias no exame de urina sem que a gestante apresente sintomas. 

Na infecção urinária, os principais sintomas na mulher são:

  • Ardor na uretra durante a micção (Disúria);
  • Aumento da frequência urinária (mais de sete vezes por dia);
  • Mais de uma micção noturna (Noctúria);
  • Sensação de esvaziamento incompleto da bexiga;
  • Dor suprapública;
  • Sangue na urina;
  • Alteração do aspecto físico da urina (coloração escura, aparência turva e odor forte).

A doença pode causar dor lombar, febre e/ou mal-estar em alguns casos mais severos.

Na gestante, os sintomas de infecção urinária incluem dor em baixo ventre, acompanhada ou não de sintomas típicos como dor para urinar. Outras complicações de pielonefrite incluem anemia, sepse e dificuldade respiratória.

Para o tratamento, o médico obstetra avaliará a necessidade de antibióticos seguros para gestantes. Em casos mais graves pode ser necessário mais exames e até a internação da paciente.

Os tipos, causas e sintomas das infecções urinárias variam de acordo com o local onde há infecção. A infecção é dividida em diferentes tipos, que são:

  1. Cistite – É uma infecção bacteriana que acomete a bexiga ou o trato urinário inferior. É causada por um tipo de bactéria proveniente do trato gastrointestinal, chamada Escherichia coli. A relação sexual também pode levar à cistite, mas você não precisa ser sexualmente ativo para desenvolvê-la. Todas as mulheres estão em risco de cistite devido a sua anatomia – especificamente, a curta distância da uretra ao ânus e a abertura uretral à bexiga
  2. Uretrite – Consiste na inflamação ou infecção da uretra, o canal que transporta a urina da bexiga para fora do corpo. As uretrites são decorrentes de bactérias provenientes do trato gastrointestinal, mas pelo fato da uretra nas mulheres estar mais próxima da vagina, algumas infecções como herpes, gonorreia e infecção por clamídia podem levar à uretrite.
  3. Pielonefrite – A pielonefrite (infecção renal) é um tipo de infecção do trato urinário que geralmente começa em sua uretra ou bexiga e viaja para um ou ambos os rins. Se não for tratado adequadamente, uma infecção renal pode prejudicar permanentemente seus rins ou a bactéria pode se espalhar para a corrente sanguínea e causar uma infecção generalizada.
  4. Infecção nos ureteres – A infecção nos ureteres nada mais é do que a infecção dos canais que levam a urina dos rins até a bexiga.

O que causa a infecção urinária?

As infecções urinárias normalmente ocorrem quando as bactérias entram no trato urinário através da uretra e começam a se multiplicar na bexiga. Apesar do sistema urinário ter sido projetado para manter esses invasores microscópicos, essas defesas às vezes falham. No momento em que isso ocorre, as bactérias podem se apoderar e se transformar em uma infecção completa no trato urinário. 

Fatores de risco

Alguns fatores são considerados de risco para contrair infecção urinária, confira:

  • Apresentar algum tipo de bloqueio no trato urinário, como pedra nos rins e aumento da próstata, também são fatores de risco
  • Ter o sistema imunológico suprimido impede que as defesas do corpo atuem propriamente, facilitando a entrada de bactérias que causam infecções
  • Usar cateter para urinar também aumenta os riscos de infecção.
  • Ter vida sexualmente ativa facilita a infecção urinária.
  • Usar alguns tipos de contraceptivos, como espermicidas, também pode ser considerado um fator de risco
  • Infecções urinárias são mais comuns em pessoas cuja uretra é menor, como no caso do sistema reprodutor feminino, ou seja, o caminho que a bactéria precisa percorrer para chegar até a bexiga é menor.
  • Após a menopausa, as infecções urinárias podem acontecer com mais frequência do que antes, uma vez que a baixa quantidade de estrogênio causa mudanças no trato urinário de modo a deixá-lo mais vulnerável à ação de bactérias

Prevenção das infecções urinárias – é feita através da adoção de algumas medidas:

  • Ingerir bastante líquido ao longo do dia;
  • Praticar relações sexuais com proteção;
  • Urinar após as relações sexuais;
  • Não utilizar antibióticos indiscriminadamente;
  • Evitar reter urina, devendo urinar sempre que sentir necessidade.

As mulheres devem tomar outros cuidados, como:

  • Evitar o uso por longos períodos de absorvente íntimo;
  • Evitar o uso constante de roupas íntimas de tecido sintético;
  • Limpar-se sempre de frente para trás, após utilizar a toalete;
  • Lavar a região perianal depois de evacuar;

Dê adeus às incômodas infecções urinárias de uma vez por todas! A Farmácia Eficácia traz agora uma fórmula para a Prevenção da infecção urinária – 60 cápsulas, que possui ação de equilibrar a microbiota intestinal e inibir a adesão de bactérias no trato urinário para prevenção de infecções recorrentes. Conta com:

Bioinstestil: É formulado através de um processo tecnológico patenteado constituído por dois componentes: o óleo essencial extraído da Cymbopogon martinii (Roxb.) Wats, e a fibra em pó obtida do rizoma de Zingiber officinale Roscoe, que permitem a liberação simultânea das substâncias ativas direcionadas ao cólon, região intestinal onde a fibra vai ser naturalmente degradada pela microbiota intestinal. 

Possui uma atividade benéfica na modulação da microbiota intestinal, que é um complexo de bactérias que vivem no trato digestivo, importantes por regularizar o canal intestinal, uma vez que são responsáveis pelos movimentos peristálticos do intestino, pela defesa contra microrganismos patogênicos e integridade da mucosa intestinal, além de necessárias para o desenvolvimento adequado do sistema imunológico. 

Os componentes de BIOintestil® agem através de uma ação anti-inflamatória, antimicrobiana seletiva, carminativa e antiemética.
Cranberry: É uma planta nativa da América do Norte que apresenta em sua composição antocianidinas, flavonóides, proantocianidinas, taninos condensados e ácidos fenólicos, estes componentes podem impedir a adesão de certas bactérias, incluindo a Escherichia coli, associada às infecções do trato urinário. 

Pesquisas científicas também demostraram que o Cranberry contém quantidades significativas de antioxidantes e outros fitonutrientes com o potencial de impedir danos oxidativos causados pela espécie reativa do oxigênio, desde modo, protege o organismo de doenças cardiovasculares e certos tipos de câncer.

O Cranberry possui um componente de alto peso molecular que tem habilidade de reverter e inibir a agregação de determinadas bactérias orais responsáveis pela placa dental e doenças peridentais. As propriedades de anti-adesão do Cranberry podem também inibir as bactérias associadas à úlcera estomacal.

INDICAÇÕES E BENEFÍCIOS:

  • Aumenta a motilidade intestinal (Indicação principal);
  • Estimula a digestão;
  • Equilíbrio da microbiota intestinal;
  • Alivia os sintomas como gases, náuseas e vômitos;
  • Elimina o inchaço e dores abdominais;
  • Trata a síndrome do intestino irritável;
  • Melhora a saúde bucal;
  • Auxilia na prevenção de Infecções Urinárias;
  • Fonte de antioxidantes que diminui o risco de doenças cardiovasculares e certos tipos de câncer.

Maiores informações sobre o produto, você encontrará na descrição do mesmo. Não deixe de se informar. Leia dados importantes como: depoimento do farmacêutico, composição, modo de usar e as orientações gerais. Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado.

Veja mais detalhes sobre Prevenção da Infecção Urinária, clicando na imagem abaixo.

prevenção infecção urinária60 cápsulas
’Possui ação de prevenir as infecções urinarias, por contar com ativos como Cranberry, que age combatendo a adesão de certas bactérias, incluindo a Escherichia coli, associada às infecções do trato urinário.’’ Farmacêutica Neila Mara

comprar

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 4,00 de 5)
Loading...

Sobre Ellen Frazão

Meu nome é Ellen Frazão e promovo a boa nutrição. Trabalho com dietas, tratamentos para emagrecimento, reeducação alimentar, atividades físicas voltadas para melhoria do metabolismo, alimentação infantil e grupos especiais. Fique à vontade para fazer perguntas e postar seus comentários! Acesse meu Perfil no Google+. Sou uma personagem criada para representar a equipe farmacêutica e nutricionista da Farmácia Eficácia que criam, revisam e respondem por todos os artigos publicados no blog.